Weverton se posiciona em defesa de prefeitos e evangélicos 

O senador Weverton Rocha (PDT-MA) retirou, no último sábado (9), sua assinatura da proposta para criação de uma CPI que visa investigar a relação entre pastores evangélicos e o Ministério da Educação.

Embora apoiador da investigação, o senador quer preservar os bons pastores, que integram as mais diversas denominações religiosas e que recorrem ao Ministério em busca de apoio para a estrutura necessária a projetos sociais importantes, como a manutenção de escolas mantidas por suas igrejas.

O pedetista também levou em consideração a exposição de prefeitos do Maranhão, que recusaram o pagamento de propina a agentes ligados ao ex-ministro da Educação, Milton Ribeiro, ou negaram a existência de qualquer cobrança em troca de recursos aos seus municípios.

Na semana passada, os prefeitos de Rosário, Anajatuba, Luís Domingues e Bom Lugar já prestaram esclarecimentos na Comissão de Educação do Senado

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: