QUANTO VAI CUSTAR PARA O MARANHÃO A CANDIDATURA DE BRANDÃO?

O vice Carlos Brandão vai tentar se eleger em outubro. Mas é um candidato pesado, duro de carregar. O que comprova isso são todos os movimentos necessários para garantir sua viabilidade eleitoral.

Othelino Neto foi presidente da Assembleia praticamente os 7 anos de governo Flávio Dino. Sempre no PCdoB, ex-partido do governador. Isso não bastou para ele apoiar a “escolha pessoal” de Dino.

Ontem, o governador teve de gastar sua suplência na chapa do Senado, tão sonhada por vários políticos e partidos, para garantir o apoio de Othelino a Brandão.

Outros movimentos estão sendo feitos para atrair deputados estaduais, prefeitos e até vereadores. O vereador Paulo Victor (PCdoB) vai assumir a Secretaria de Cultura do estado por alguns meses só para garantir os acordos que viabilizaram sua candidatura à presidência da Câmara de São Luís.

A pergunta que fica para o eleitor: quanto vai custar ao final todos esses movimentos políticos? Quantos cargos, emendas e promessas estão sendo negociadas para tornar Brandão um candidato viável?

E quem vai pagar essa conta no final?

Via marrapà

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: